Arquivo de Opinião

Brasil: O ano novo que não começou
Arquivado em Opinião no dia 13 de Janeiro de 2021

Feliz ano para jornalistas como Ruy Castro que escreveu na Folha de S. Paulo de 10/1/21 o artigo Saída para Trump: Matar-se e acrescentou “se Trump optar pelo suicídio, Bolsonaro deveria imitá-lo…nenhum minuto sem Bolsonaro será cedo demais”. O ministro da Justiça pediu abertura de inquérito contra Ruy para saber por que ele quer matar Bolsonaro. Surpreso, o jornalista […]


‘Quatro anos de propaganda’: a exclusão de Trump das redes sociais chega tarde demais, dizem os especialistas
Arquivado em Opinião no dia 12 de Janeiro de 2021

As plataformas permitiram durante muito tempo os seus “posts” perigosos — e os pesquisadores dizem que o ataque ao Capitólio é “exactamente o que esperávamos”. (Kari Paul) Ler mais…


Os ratos a fugir do navio: trumps, trumpinhos e trumpões nacionais
Arquivado em Opinião no dia 10 de Janeiro de 2021

Num artigo no Sol, com as habituais mentiras, escrito já depois da insurreição dos trumpistas americanos, repete uma descrição absurda do que se passou. Nunca me ouvirão dizer que estes artigos devem ser censurados, pelo contrário, mas as falsidades e mentiras, essas, devem ser denunciadas. (José Pacheco Pereira) Ler mais…


EUA: A democracia sitiada – e a imprensa também
Arquivado em Opinião no dia 10 de Janeiro de 2021

A multidão de extrema-direita que invadiu o Capitólio deixou um bilhete para os jornalistas que cobriam a cena, uma mensagem que parecia uma extensão angustiante de uma presidência marcada pela virulência anti-imprensa — gravada numa porta estava a frase: assassine os media. Ler mais…


Interrogações que se querem evitar
Arquivado em Opinião no dia 9 de Janeiro de 2021

O futuro da distribuidora de jornais como o da agência de informação são postos em questão, perante uma estranha indiferença… (Nobre-Correia) Ler mais…


O take-away informativo
Arquivado em Opinião no dia 9 de Janeiro de 2021

Na sequência de cada debate, as televisões impingem os seus comentadores aos telespectadores no sentido de os convencer de que não viram o que pensam ter visto, mas aquilo que eles querem que vejam. Ler mais…


EUA: A extrema-direita disse-nos o que tinha planeado. Não ouvimos
Arquivado em Opinião no dia 9 de Janeiro de 2021

Quarta-feira não foi o “último suspiro” do trumpismo. Foi a manifestação de uma fantasia antiga. E a maioria dos perpetradores foi-se embora, sem algemas, para lutar outro dia. (Seyward Darby) Ler mais…


Maus actores estão voltando aos métodos tradicionais de semear o caos
Arquivado em Opinião no dia 9 de Janeiro de 2021

À medida que as plataformas de redes sociais se tornam mais activas no combate às falsas alegações em torno da política e da saúde, os agentes de desinformação buscam “novas” formas de divulgar as suas mensagens. (Bethan Jon e Keenan Chen) Ler mais…


O jornalismo televisivo que temos
Arquivado em Opinião no dia 8 de Janeiro de 2021

Assuntos escassos e tratamento técnico rudimentar redundam numa cobertura da atualidade, no mínimo, inconsistente… (Nobre-Correia) Ler mais…


Os velhos modelos de impacto jornalístico precisam de mudar
Arquivado em Opinião no dia 8 de Janeiro de 2021

Mais: como as redacções “pressionadas do topo” cobrem os seus chefes corporativos, estudos sobre o “efeito serial” no podcasting e o papel do Facebook como uma infraestrutura para informações políticas locais. Ler mais…