Opinião »

Não fiquem cansados tão depressa: o mal é mais tenaz do que o bem
[16 de April de 2017]

Há momentos em que a acalmia é um perigo. Há ainda piores momentos em que o cansaço domina. Não estamos em tempos de acalmia, nem em tempos de ficar cansados perante o que se está a passar. Dois temas de enorme, insisto, enorme relevância, exigem toda a atenção, pouca acalmia e nenhum cansaço: para o mundo, Trump; para Portugal, a Europa. (José Pacheco Pereira)

Ler mais…

Opinião »

Um livro-bomba para recuperar a memória perdida
[14 de April de 2017]

quando portugal ardeuJoão Paulo Guerra apresentou publicamente na quarta-feira, em Lisboa, no bar do Cinearte, sede da companhia de Teatro A Barraca, o livro “Quando Portugal Ardeu – Histórias e segredos da violência política no pós-25 de Abril”, do jornalista Miguel Carvalho, que há anos trabalha na delegação do Porto da revista ‘Visão’. Ou me engano muito ou este livro de Miguel Carvalho – jornalista de mão cheia – vai dar muito que falar. (Ribeiro Cardoso)

Ler mais…

Notícias »

Morreu Mário Contumélias
[14 de April de 2017]

O jornalista Mário Contumélias, 70 anos,  morreu nesta sexta-feira na sua casa em Lisboa. Trabalhou em jornais como “O Século” e o “Diário de Notícias” e foi presidente do Sindicato dos Jornalistas. O corpo de Mário Contumélias está desde as 16 horas desta sexta-feira, na Igreja do Campo Grande, em Lisboa, onde será realizada missa de corpo presente, no sábado, às 12 e 45.
Ler mais…

Opinião »

“Levante-se o réu”, Rui Cardoso Martins conta
[13 de April de 2017]

O “Jornal de Notícias”, do Porto, acaba de tomar uma sábia decisão: contratou o jornalista, escritor e argumentista Rui Cardoso Martins e deu-lhe a tarefa de escrever semanalmente, como só ele sabe, histórias da vida real que passam nos nossos Tribunais de polícia.
Profissional da escrita com créditos firmados em várias áreas, Rui Cardoso Martins brilhou em especial com a sua famosa crónica “Levante-se o Réu”, publicada anos a fio no jornal “Público”. Crónicas belíssimas que já deram origem dois livros com o mesmo título e ambos de grande qualidade – pela escrita e pelas histórias, divertidas umas, irónicas outras, muito humanas e sentidas sempre, constituindo um retrato fiel de um certo Portugal que muitos teimam em desconhecer (entre 1990 e 2007 assistiu a mais de 700 casos de justiça em sessões públicas de tribunal). (RC)

Ler mais…

Notícias »

Sindicato dos Jornalistas examina fundamentos legais de despedimento colectivo na Cofina
[13 de April de 2017]

O Sindicato dos Jornalistas está a examinar os fundamentos legais do despedimento colectivo no grupo Cofina de 65 trabalhadores, dos quais 30 são jornalistas. O SJ considera “inaceitável que uma empresa com lucro tenha a ousadia de avançar para um despedimento”.
Ler mais…

Notícias »

Presidente do Parlamento marca eleição da ERC para 12 de maio
[12 de April de 2017]

Mais um dia e o milagre estava garantido (JAG)
Ler mais…

Opinião »

Verdades alternativas
[12 de April de 2017]

Quarenta e oito horas e uns quantos Tomahawk disparados de um navio americano no Mediterrâneo, foi quanto bastou.
Calaram-se todas as dúvidas. Recolheram-se quaisquer reticências. Apagaram-se de vez os últimos “alegados”. Sub-repticiamente, a narrativa dos media passara a assumir o ataque sírio com armas químicas contra Idlib como um facto comprovado e inquestionável. (Carlos Santos Pereira)
Ler mais…

Opinião »

Telejornal da RTP: um oceano de inconsistência e de irresponsabilidade
[12 de April de 2017]

O telejornal da RTP 1 é um reflexo de vaidades num oceano de inconsistência e de irresponsabilidade… (Nobre-Correia)
Ler mais…

Notícias »

Grupo Cofina vai despedir mais de 50 trabalhadores
[11 de April de 2017]

A Cofina, o grupo dono do “Correio da Manhã” e da “Sábado”, avançou com um despedimento colectivo de mais de 50 trabalhadores «na sequência da reorganização da empresa», noticia o Dinheiro Vivo, que cita «fonte oficial do grupo». As cartas começaram a ser enviadas aos trabalhadores esta terça-feira.
Ler mais…

Opinião »

Cegueira e imobilismo
[11 de April de 2017]

No caso da ERC, a atitude dos partidos (do governo, da maioria parlamentar e da oposição) é perfeitamente confrangedora… (Nobre-Correia)
Ler mais…