Opinião »

A floresta arde e o fanatismo cega
[14 de August de 2018]

Desde pelo menos o tempo do Estado Novo que há incêndios todos os anos, alguns deles causando horríveis tragédias humanas. Mas, até 2017 nunca tinha havido campanhas orquestradas a responsabilizar os governos pelos fogos e pelas suas vítimas. (Alfredo Barroso)
Ler mais…

Opinião »

Tempo para plantar, tempo para arder
[12 de August de 2018]

Os media, em Portugal, abocanham os incêndios florestais com um misto de voyeurismo e de instinto assassino. Os demorados planos de labaredas recortadas num céu escuro e os grandes planos de caras sofredoras e queixosas alternam com uma retórica antigovernamental onde é difícil distinguir entre erros causados pela ignorância e manipulações intencionais puras e duras. Lembro que a manipulação não é, necessariamente, sinónimo de mentira. Pode-se distorcer totalmente a percepção do público através de técnicas de extrapolação, amplificação desproporcionada e indução de conclusões a partir de uma reconstrução da realidade que ignora factos determinantes.
As contradições nas coberturas dos incêndios são acentuadas pelo trabalho sério de muitos repórteres, cuja experiência, conhecimento e objectividade contrastam com as más práticas dominantes. (JAG)

Ler mais…

Opinião »

Não vou permitir que os meus filhos estudem jornalismo
[11 de August de 2018]

Tenho dois filhos. Martin, de sete anos, e Juanita, de seis. Martin disse-me que quando for grande quer ser guarda-redes. Juanita sonha ser patinadora e cantora. Já estão na idade em que começam a perguntar o que fazem os seus pais. Expliquei-lhes que sou jornalista, tal como a sua mãe. Na sequência das suas perguntas, comecei a pensar como deveria reagir se no futuro algum deles quiser ser jornalista. (Hernán Restrepo)
Ler mais…

Opinião »

Recomendações para cobrir tiroteios massivos e outras formas de violência indiscriminada
[11 de August de 2018]

Há vários recursos disponíveis para qualquer jornalista encarregado de informar o público sobre um tiroteio massivo, ainda que muitos recorram a práticas negativas. Neste contexto, a incorporação de melhores práticas na hora de informar ajuda a evitar imitações e minimiza as especulações inexactas. O jornalismo responsável evita o sensacionalismo respeita as vítimas e as suas famílias e não usa imagens ou informação que glorifiquem a violência. (Cristiana Bedei)
Ler mais…

Opinião »

Oito conselhos de privacidade na Internet para jornalistas
[10 de August de 2018]

Que medidas deve tomar um jornalista para não expor a sua informação e permanecer seguro contra ataques cibernéticos? Medidas que se aplicam a todos os utilizadores da Internet, note-se.
Ler mais…

Notícias »

ERC dá parecer favorável à nova direcção de Informação da RTP
[10 de August de 2018]

Depois de há uma semana ter chumbado as mudanças alegando falta de justificação por parte da administração da RTP, o regulador dá agora luz verde às alterações – que, na prática, até já estão a funcionar há duas semanas.
Ler mais…

Notícias »

Governo moçambicano quer cobrar 7000 euros por ano a correspondentes estrangeiros
[10 de August de 2018]

Novo regime de taxas de acreditação de jornalistas e licenciamento de órgãos de comunicação entra em vigor este mês. ONG denunciam perigos para a liberdade de imprensa.
Ler mais…

Notícias »

Apps fundamentais para fotojornalistas
[9 de August de 2018]

Os dispositivos móveis são uma ajuda fundamental para os jornalistas. No entanto, o trabalho de campo não seria tão imediato e eficaz como o que praticam os freelancers e fotojornalistas sem estas ferramentas. Conhece algumas das aplicações que te ajudarão no trabalho.
Ler mais…

Opinião »

Brasil: 24 redacções unem-se contra a desinformação no WhatsApp
[9 de August de 2018]

WhatsApp é uma caixa negra de desinformação viral — mas no Brasil 24 redacções unem-se para verificarem os factos. E ao contrário de iniciativas anteriores, WhatsApp está a dar aos verificadores uma ferramenta importante para alcançarem o público mais facilmente. (Shan Wang)
Ler mais…

Notícias »

O Instapaper voltou, mas há milhares de sites ainda indisponíveis na Europa
[9 de August de 2018]

Grandes títulos da imprensa norte-americana como o “Los Angeles Times” continuam a barrar os leitores europeus para não ter de cumprir o Regulamento Geral de Protecção de Dados, mais de dois meses após a sua entrada em vigor.
Ler mais…

» More than 1,000 U.S. news sites are still unavailable in Europe (Jeff South)