Home » Notícias

TVI perde um terço do público em oito meses

2 de October de 2019


A TVI perdeu 33% de telespectadores entre janeiro e agosto (último mês em que, até esta segunda-feira, existiam dados totais de audiência fechados) – noticia o “Correio da Manhã”.

A estação de Queluz de Baixo fechou o primeiro mês deste ano com uma audiência média de 379 254 telespectadores por cada minuto do dia, de acordo com os dados oficiais divulgados pela GfK.

Já no fim de agosto, o valor tinha descido drasticamente para 254 067 telespectadores. Contas feitas, o canal da Media Capital perdeu um terço da sua audiência, ou seja, cerca de 125 mil pessoas.

De resto, agosto – mês de estreia da nova diretora de Programas, Felipa Garnel, que sucedeu ao brasileiro Bruno Santos – foi o pior do ano para a TVI.

Lembre-se que o canal registou um share de apenas 12,8% – o mais baixo desde junho de 1998 -, o que contrasta com os 19% com que encerrou janeiro. Ou seja, em oito meses perdeu 6,2 pontos percentuais.

O “Correio da Manhã” fez as contas e chegou à conclusão de que, na média deste período, a TVI (315 600 pessoas por cada minuto) tem menos 12,8% de espectadores do que a SIC (361 800).

Por outro lado, se contabilizadas as audiências até ao passado domingo, dia 29, a SIC lidera com uma média de 18,8% de share. Isto significa que em cada 100 telespectadores que estão a ver televisão, quase 19 optam por sintonizar a estação de Paço de Arcos. Segue-se a TVI, com 16,1% (menos 2,7 pontos percentuais), e a RTP 1, com 11,8% (a exatamente sete pontos percentuais da liderança).

(“Correio da Manhã”, 01 outubro 2019, Duarte Faria)


Imprima esta página Imprima esta página

Comente esta notícia.

Escreva o seu comentário, ou linque para a notícia do seu site. Pode também subscrever os comentários subscrever comentários via RSS.

Agradecemos que o seu comentário esteja em consonância com o tema. Os comentários serão filtrados, antes de serem aprovados, apenas para evitar problemas relacionados com SPAM.