Home » Headline

Marcelo defende apoio do Estado à Comunicação Social

28 de November de 2018


Clique na imagem para ver mais fotos

Um acordo de regime, em sede parlamentar, capaz de viabilizar um sistema de apoio financeiro do Estado à Comunicação Social, foi ontem preconizado pelo presidente da República, ao discursar no jantar de atribuição dos Prémios Gazeta, realizado em Lisboa.
Depois de efetuar um diagnóstico sobre a situação de “emergência democrática” do setor, Marcelo Rebelo de Sousa chamou a atenção para a “descida de patamar”, que se vai acentuando. Admitindo não ter resposta cabal para as interrogações que verbalizou – “Qual o limite dessa descida? O Estado não tem obrigação de apoiar?” – mostrou-se favorável a uma “intervenção transversal”, em resultado de um acordo de regime. Consciente de que uma plataforma multipartidária não é fácil de alcançar e de que deve evitar-se a “tentação de abusar” que o Estado muitas vezes demonstra.

Numa sessão marcada por referências, sobretudo dos jornalistas cujo trabalho foi distinguido, às ameaças que pairam sobre a Comunicação Social – fake news, precariedade laboral, agravamento dos problemas financeiros – o presidente do Clube de Jornalistas, que atribui os prémios, salientou que “o valor maior do jornalismo é a sua credibilidade”. Sem esquecer o “quadro movediço” enfrentado pelos profissionais, Mário Zambujal afirmou que num contexto de aceleradas mudanças se exigem “conhecimentos renovados”.

Os Prémios Gazeta, atribuídos pelo Clube de Jornalistas com o patrocínio do Santander Totta e da Galp, foram este ano atribuídos a Luís Filipe Costa (Gazeta de Mérito), Adriano Miranda (Fotografia), Joana Gorjão Henriques (Imprensa), João Santos Duarte e Tiago Miranda (Multimédia), Cláudia Arsénio (Rádio), Pedro Coelho (Televisão), Margarida David Cardoso (Revelação). O “Correio da Feira”, semanário regionalista de Santa Maria da Feira, recebeu o Prémio Gazeta de Imprensa Regional.

Imprima esta página Imprima esta página

Comente esta notícia.

Escreva o seu comentário, ou linque para a notícia do seu site. Pode também subscrever os comentários subscrever comentários via RSS.

Agradecemos que o seu comentário esteja em consonância com o tema. Os comentários serão filtrados, antes de serem aprovados, apenas para evitar problemas relacionados com SPAM.